--:--
--:--
  • Raízes do Culto
topo-raizesdoculto

Morre humorista que interpretava o Severino “cara crachá”, aos 78 anos, no Rio

Na manhã desta quinta-feira (17), morreu o ator Paulo Silvino, aos 78 anos, que lutava contra um câncer no estômago. De acordo com a Central Globo de Comunicação, o humorista morreu em casa, na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio, no início da manhã. Em redes sociais, o filho mais novo do ator, João Paulo Silvino, lamentou a morte do pai.“Que Deus te receba de braços abertos meu pai amado”.

Ser comediante nasceu por acaso. Talvez seja pela minha desfaçatez, porque eu nunca tive inibição de máquina. Tenho tranquilidade com a câmera e tive vantagem em televisão por isso. O riso dos cinegrafistas é o meu termômetro”. Paulo Silvino.
Segundo a família, Silvino chegou a ser submetido a uma cirurgia no ano passado, mas o câncer se espalhou e a opção da família foi que ele fizesse o tratamento em casa. A filha do humorista, Isabela Silvino, também usou as redes sociais para falar sobre a morte do pai. “Amigos, obrigada por todas as mensagens. Ainda estou naquele processar isso tudo. Mas posso dizer que ele foi bem. Sem sofrer.”, afirmou.
Vida artística

Autor de bordões que não saem da boca do povo, Paulo iniciou a carreira no rádio, mas já nos anos 1960 se juntou ao elenco da TV Rio. Entre idas e vindas na Globo, estrelou Balança Mas Não (1968) e teve destaque nos programas humorísticos Faça Humor, Não Faça Guerra (1970), Uau, a Companhia (1972), Satiricom (1973), Planeta dos Homens (1976), e Viva o Gordo (1981). Em Zorra Total (1999), seu personagem Severino (que analisa “cara e crachá”) se tornou popular.

FONTE: http://www.n1bahia.com.br/morre-o-ator-e-humorista/

REPOSTADO POR ADRIAN HENRIQUE

EQUIPE RAÍZES DO CULTO DE COMUNICAÇÃO E ESPIRITUALIDADE

Dê a sua opinião